Morte em Aruba


Aruba, na madrugada do duelo mortal

 

Em prosseguimento a nosso folhetim, El Hombre finalmente está cara a cara com sua presa em Aruba …

Não, não era possível.

Ou era?

El Hombre por um momento imaginou que estivesse diante de um duplo. A diferença entre o Larsson das fotos que vira e o Larsson que encontrava agora derivava de uma plástica com a qual o sueco elevara as dificuldades em descobrirem seu golpe perfeito.

Os cabelos claros escureceram. Mesmo a cor dos olhos se modificara, mas isso graças a lentes de contato. Antes seus olhos míopes eram castanhos. Agora eram esmeralda. Exatamente como os de Liz Taylor.

E os de El Hombre.

Os lábios receberam um reforço. Pareciam agora os de Angelina Jolie e os de Mick Jagger.

E os de El Hombre.

Passada a estupefação inicial, El Hombre partiu para seu plano. O que ele não imaginava era a reação de Larsson. Ele quase morrera uma vez, e isso fez com que ele amasse depois desesperadamente a vida. Ele não sabia por que fora atacado por um sósia seu. Mas sabia que a intenção dele era exterminá-lo fisicamente.

Os dois Mr Walkers travaram uma luta titânica ali na ponte de Aruba da qual El Hombre planejava atirar Larsson rumo à morte e ao desaparecimento na imensidão azul do mar. Por um instante El Hombre pensou que ele terminaria sendo atirado. Estava em desvantagem naquele duelo de morte, e encontrado precariamente contra a mureta da ponte. Larsson, inteiro e ensandecido em seu ódio ao agressor, notou a vulnerabilidade dele.  Inteligentemente, decidiu arremeter contra o inimigo de morte e com o impacto de seu corpo atirá-lo para as águas profundas e mortais.

El Hombre viu a intenção homicida nos olhos esmeralda de Larsson. Dizem que em seus últimos momentos um homem pensa na vida em quadros. El Hombre, ofegante e exaurido, lembrou apenas de seu pai, dos dias em que era menino e olhava para ele como um muçulmano para o Corão.

E ali vinha, urrando de ódio na madrugada arubenha, Larsson.

Quando Larsson estava já prestes a atropelá-lo e projetá-lo para a morte, El Hombre usou as migalhas de energia que lhe restavam para se agachar. Se errasse na hora do agachamento, Larsson virtualmente o esmagaria contra a murada e depois terminaria o serviço. Mas se fosse preciso teria chance de inverter um jogo que parecia liquidado.

El Hombre se agachou quando percebeu que Larsson estava a nanosssecundos da colisão de corpos estranhamente iguais. Deu um berro primal e se ergueu.

Os céus de Aruba testemunharam uma cena pavorosa.

O corpo de El Hombre acabou funcionando como um trampolim humano. Larsson subiu alguns metros e mergulhou na escuridão, os olhos arregalados de pavor.

El Hombre olhou para a baixo a tempo de ver o choque do sueco com as águas.

Era a segunda vez que Larsson morria, e a definitiva.

El Hombre foi então acometido de uma turgidez pulsante inacreditável. Será possível que gostei de matar um homem?

Enquanto o corpo de Larsson se encaminhava para o esquecimento marinho, El Hombre aplacava febrilmente sua turgidez. Parecia ter recuperado, como por milagre, toda a energia.

(continua)

4 Respostas to “Morte em Aruba”

  1. Pê Sousa Says:

    Putz, FH, que fim foi esse? E eu que estava torcendo pelo Larsson…
    Será que El Hombre vai tomar o lugar do sueco na calma vida caribenha?

  2. Alice Barros Says:

    Já vi que essa história ainda vai ter muitas emoções… e sacanagem! To esperando ansiosa pelo desfecho! heheh

  3. Karina Says:

    Fabio Hernandez, a imagem d’El Hombre usando “as migalhas de energia que lhe restavam para se agachar” me fez achar que a boca mickjolínica teria trabalho ali… hihihi

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: