A mulher que conquistou o coração (e o pênis) do Rei David


DISPOSTOS A uma viagem pelo glorioso passado feminino?

Beleza. Vamos em frente então.

Ela foi uma das mulheres mais gostosas e mais poderosas do Velho Testamento. Teve a seus pés Davi, o herói judeu que matou o gigante Golias e depois se transformaria em rei de Israel. O reinado vitoriosamente conturbado de Davi é considerado o período supremo de Israel. Ao tão aguardado Messias de que. mais tarde. falariam os profetas bíblicos estava reservada exatamente a tarefa de devolver a Israel a glória dos tempos de Davi. Em sua História dos Judeus, o historiador inglês Paul Johnson diz o seguinte: “Davi foi o rei mais popular e mais bem-sucedido que Israel jamais teve, o rei e governante arquétipo, de sorte que, por mais de 2 000 anos depois de sua morte, os judeus viram o seu reino como uma idade de ouro”. Calcula-se que Davi tenha reinado por volta de 1 000 a.C.

Davi, pastor de origem, subjugou varios povos: filisteus, moabitas, amonitas, arameus. Mas seu coração foi inteiramente subjugado por Betsabá. E não apenas seu coração: também seu pênis. Foi um caso de paixão sexual à primeira vista. Conta-se no Velho Testamento que Davi, depois de tirar uma sesta, avistou do seu palácio uma mulher “muito formosa” tomando banho. Era Betsabá.

Davi pediu que a trouxessem ao palácio. E logo a conheceu — no mais puro sentido bíblico. Betsabá engravidou. Isso não seria problema, não fosse o detalhe de Betsabá ser casada com outro homem, o pobre Urias, uma das maiores vítimas bíblicas da luxúria alheia. Betsabá avisou a Davi que concebera. O rei tentou remediar a situação. Mandou chamar Urias e tentou convencê-lo a ir para casa. Lá, Betsabá levaria Urias para a cama. E tudo estaria resolvido: Urias seria pretensamente o pai do filho de Betsabá. Só que Urias se recusou. Não uma, mas duas vezes. Para um soldado honrado como ele, parecia indigno desfrutar os encantos sexuais de uma mulher enquanto seus companheiros guerreavam. Essa noção rígida de honra o matou. Davi pediu a Joab, chefe de seu exército, que pusesse Urias no lugar onde a guerra contra os amonitas fosse mais violenta. Foram as seguintes as palavras de Davi, segundo o Velho Testamento: “Coloque Urias na frente, onde o combate for mais renhido e desampare-o para que ele seja ferido e morra”. Foi o que aconteceu. Betsabá estava livre. Passado o luto, ela tornou-se, oficialmente, mulher de Davi. Não a única. Homens como Davi podiam ter várias mulheres. Betsabá foi a oitava. Segundo os relatos, foi a mais lasciva. Em seu divertido livro Só Deus Sabe, em que conta de forma romanceada a história de Davi, o escritor americano Joseph Heller diz que, de todas as mulheres que Davi teve, Betsabá foi a única que gozava.

A criança em gestação que motivou a morte do marido enganado não durou muito. Era um menino. Betsabá teve ainda outro filho com Davi. Seu nome: Salomão. Betsabá influenciou decisivamente Davi na sucessão. Ela queria que seu filho fosse rei e conseguiu. É verdade que o destino a favoreceu. Filhos de Davi que estariam à frente de Salomão na linha do trono foram caindo um a um. A queda mais espetacular foi a de Absalão. Absalão insurgiu-se contra o pai. Davi teve que fugir diante da perspectiva de seus homens serem derrotados pelos do filho insurrecto. Mas Absalão cumpriu a maldição do profeta Natã. Absalão, conforme Natã advertira Davi, refestelou-se sexualmente, diante dos olhos de quem quisesse ver, com as mulheres do harém de seu pai. Recompostas suas forças, Davi enfrentou a revolta de Absalão. Saiu-se, como sempre, vitorioso. Deu ordens expressas para que Absalão fosse poupado no combate definitivo, mas não o atenderam. Joab plantou três dardos no coração de Absalão, preso nos galhos de um carvalho quando tentava fugir. Nem assim Absalão morreu. Outros soldados terminaram o serviço. Davi ficou desesperado ao saber da morte do filho. Para Betsabá foi um passo essencial para a unção de seu filho Salomão. (Para os curiosos: Salomão significa “pacífico”). Na velhice, o corpo cansado de Davi encontrou calor e conforto numa jovem chamada Abisague. Mas nada que se comparasse com a tórrida, adúltera, sangrenta paixão que sentiu pela mulher que, certo dia, nos seus jovens tempos, viu, do terraço de seu palácio, banhar-se.

Share/Bookmark

22 Respostas to “A mulher que conquistou o coração (e o pênis) do Rei David”

  1. Anarcoplayba Says:

    Para quem se interessar, procurem “Gênesis” ilustrado por Robert Crumb. Ele faz uma releitura mais “crumbiana” do primeiro livro do velho testamento, levantando um monte de lebres que foram suprimidas pelos onanistas e pederastas medievais.

    • Fabio Hernandez Says:

      onanistas e pederastas?

      • Anarcoplayba Says:

        Pelos monges que se enclausuravam. Poucas vezes concordei que a pior perversão é a abstinência.

        Óbvio que o Crumb não é um antropólogo, mas ele conversou com alguns antes de ilustrar o gênesis e boa parte deles está de acordo que o Gênesis é, dentre outras coisas, a narração da transição do matriarcado pro patriarcado, com uma porrada de referências à disputa de poder.

        Um dos elementos que demonstra isso é o fato de que em inúmeros momentos as mulheres enganam os homens e são sexualmente bem livres.

        Outro exemplo das supressões é que os monges tentaram “limpar” a bíblia usando eufemismos: O rei Davi “conheceu” betsabá, Jacó foi visto “brincando” com Raquel, coloque a mão em minha “coxa” e jure, etc, etc.

        Ou seja, invertendo um pouco os papéis e bancando o “advogado de deus”: Já parou pra pensar que a religião, da forma que a gente conhece é errada? Que originalmente, no judaísmo mesmo, a sexualidade era natural e aceita, e que isso mudou só na idade média? O que a gente acha que “sempre foi assim” não foi.

        Sabe um monte de gente que “brigou” com a religião unicamente por causa da repressão à liberdade? Então, essa briga era desnecessária.

        Isso me passou pela cabeça na discussão que tivemos alguns posts atrás sobre o tantrismo e a utilização do sexo para fins religiosos. Quando eu mencionei isso, imediatamente os comentários que seguiram foram “deve ser pra controlar o povo” e “deve ser pra eliminar o prazer”, o que mostra como os nossos “líderes” religiosos fizeram um “bom” trabalho…

        Só pra encerrar (e completamente off topic) já li uma interpretação mó legal do gênesis que fala que Deus não se enfureceu por Adão e Eva terem comido da árvore da ciência do bem e do mal, mas sim por ter visto que eles, com vergonha, ocultaram o sexo com a folha da parreira.

        O pecado original não era o sexo, mas a vergonha do sexo.

        Louco, não?

      • Petite Poupée Says:

        Ops. Salomao é o filho rss (maldito estado de vigília!).
        Acho q o gd problema da bíblia Anarco é lê-la como “palavra de Deus” e nao como história de um povo, cheia de metáforas e alegorias.
        A própria história da Adao e Eva nao faz o menor sentido:
        só existiam Adao e Eva, qd foram expulsos do paraíso, tiveram dois filhos, Caim e Abel. Caim matou Abel e foi constituir família em outra tribo? Como assim? Só nao tinham 4? Pai , mae e 2 filhos? Explica essa! rss

      • Anarcoplayba Says:

        Então… não faz menção, mas tem um detalhe: em gênesis tbm, as duas filhas de Ló dormem com o pai. Pra gente hj, isso é um absurdo e incesto. O ponto é que, numa sociedade matriarcal a mulher é a Senhora da família, sendo a única com direito a ter filhos. Ou seja: não é difícil que sejam filhos de Caim com Eva que foram suprimidos.

        Porém, saindo da tentativa de explicar algo inexplicável, é muito importante entender a bíblia como um texto metafórico, hermético e complexo. A expulsão do Paraíso não é sair de um lugar gostoso de morar. É o fim da paz decorrente da culpa que surge quando temos consciência do bem e do mal que praticamos.

        Eu gosto de entender a expulsão do Paraíso não como “vingancinha” de um Deus autoritário (come on! O mundo precisa de um Deus melhor que isso!) mas como um fato. Como a incompatibilidade de Adão e Eva (que deixaram de ser crianças e aprenderam sobre o bem e o mal) e tiveram que cair na vida. Ignorance is bliss. Para pra pensar na sua própria vida: nunca teve nenhum momento em que vc pisou na bola com alguém, essa pessoa veio tirar satisfações e você disse “desculpa, eu não sabia!”?

        Então, você não sabia e tava tudo bem. Passou a saber, fodeu. Essa, pra mim, é a expulsão do Paraíso: a culpa que advém da consciência da dualidade.

        Quer mais uma brincadeira bíblica? Gênesis 3:22, depois que Adão e Eva comem a maçã Deus diz: “Eis que o homem se tornou como um de nós, conhecedor do bem e do mal. Eis que agora cuidemos para que ele não estenda sua mão e tome também o fruto da árvore da Vida, e o coma, e viva eternamente.”

        Caramba… a quem Deus está se referindo quando diz “um de nós”? ;)

        O ponto é: das duas uma: ou a Bíblia está errada e não merece a mínima consideração… ou tem um monte de coisa proveitosa lá dentro, é só saber olhar. Pick your side.

      • Petite Poupée Says:

        Anarco, vc sempre me dá tao poucas opçoes…tá bom, eu fico com a segunda : ) é sério, tem muitas coisas legais lá

  2. Gueixa Says:

    Fabio vc está realmente investindo no oriente.
    Voce colocaria uma burca em Betsabá?
    Ou um cinto de castidade?
    E glorioso passado feminino?
    Só porque ela conquistou o Rei dos Reis? Bobagem Fabio.
    Temos ainda Salomé, Cleopatra, Nefertitti rsrs
    Concorda?

  3. Grace Olsson Says:

    Bem interessante, a história. Mas, a minha preferida, ainda é a de Cleópatra.

  4. Petite Poupée Says:

    Salomao teve tantas mulheres, mas só uma conquistou o coraçao e penis hmmmm, é uma dica?? tá registrado rss

    O velho testamento tá mesmo cheio de histórias sórdidas…eu adoro hauhaaua

    Eu gosto de Ester no velho testamento, mas minha preferida é Madalena!

  5. confessionsandconfusions Says:

    Não quero parecer polêmica, mas venho levantar uma questão mais simples do que toda a alegoria que a religião/história ficou envolvida.
    O papel do gênero (masculino e feminino) na sociedade.
    A função exercida por cada um mudou ao longo do tempo, por sentimentos tão primitivos…
    No entanto, mesmo com tudo o que historicamente nos é mostrado, o homem (gênero) ainda não aprendeu que a maior potência mundial é a mulher e suas atitudes intempestivas e absurdamente poderosas.
    Por qual motivo o macho alfa que ser rico, reconhecido, atraente, etc?
    Pra conseguir as melhores fêmeas!
    Eles deixaram que a fêmea acreditasse que seu papel (mãe, esposa, casta, fiel) era subserviente, mas ser tudo isso (ou não) é algo grandioso.
    Pq a publicidade de produtos (mesmo carros) hoje está sendo direcionada a mulher?
    Isso é uma microtendência (já evidenciada no livro “Microtendências” do Mark J. Penn) que sempre existiu, mas que só agora a sociedade resolveu “perceber”.
    Gostei muito do texto e de sabe rum pouco mais da história de Davi. rsrs.

    • Anarcoplayba Says:

      Tem uma frase que eu gosto muito que eu ouvi de uma nortista: O Homem é a cabeça da relação. A Mulher é o pescoço.

    • Petite Poupée Says:

      Karina, cade vc? rss

      • Anarcoplayba Says:

        Karina, sua conterrânea lhe chama. E eu estou ansioso para ser um paulista no meio de duas cariocas.

      • Karina Says:

        exclamação bíblica sem medo de profanar:

        JESUSMARIAJOSÉ!!!

        mas aproveita bem, Anarco, que essa oportunidade é para poucos.

        Petite, estou aqui!! =))

    • Fabio Hernandez Says:

      a verdade é que a história da humanidade é a história das vaginas pelas quais os homens guerrearam, se mataram, produziram revoluções e profanaram deuses, templos e religiões.

  6. Moça Bonita Says:

    Entreouvindo no ginecologista:

    - Viu o que o Fábio falou?
    - Que foi dessa vez?
    - Que a história da humanidade é a história das vaginas pelas quais os homens guerrearam, se mataram, produziram revoluções e profanaram deuses, templos e religiões.
    - Bobagem, homens não brigam por vaginas.
    - Não?
    - Homens se refugiam nelas, repara só.

  7. ilhasmaravilhas Says:

    No novo lugar de trabalho da PROFESSORA PLAYBOYISTA todo o mundo tem fantasia com ela ate uma mulher brincou com ela disendo que agora que as mulheres podem casar umas com as outras se algum dia tiver alguma curiosidade dessa ja sabe com quem pode curtir isso http://ilhasmaravilhas.wordpress.com/

  8. David Lucamba António Says:

    Davi é o meu chará, portanto gosto de suas histórias…

  9. JoSlavic Says:

    O Velho Testamento de fato tem muitas histórias de adultério, incesto, imoralidade, traição, etc., etc., etc. Entretanto podemos notar alguma coisinhas: Os homens (e mulheres) que os cometem em quase 100% das vezes não são os grandes ‘patriarcas’ ou ‘profetas’, digamos assim. São pessoas que estão tentando seguir o caminho que leva a Deus. Pessoas que não teriam aquela “unção especial” que os transformam em profetas ou sábios. Pessoas comuns, que estão tentando, mas que toda hora parecem escorregar. Mas quem não escorrega, né? É melhor cair mil vezes e levantar dez mil, do que continuar caído.
    Davi caiu em várias armadilhas, principalmente por causa de sua luxúria. Mas isso não fez dele um homem menos competente como rei ou menos devotado a Deus.
    Da mesma forma aconteceu com Salomão (que também acabou pecando, arrastado pela beleza negra da rainha de Sabá), aconteceu com Jacó (que enganou seu pai para receber a bênção que devia ser dada ao irmão primogênito), etc. etc.
    Mas eles continuaram tentando se redimir de seus erros e, de acordo com relatos bíblicos e estudos judaicos, conseguiram.

    O Novo Testamento e o nascimento de Jesus, porém, traz mensagens muito mais positivas, porque Ele veio justamente para isso: Corrigir os erros da antiga Lei mosaica. Os ensinamentos do Mestre mostram claramente que, homem ou mulher, todos são iguais perante Deus. (vide a história de Maria de Betânia, Maria de Magdala, o cobrador de impostos, etc.). ;)

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s


Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 69 outros seguidores

%d bloggers like this: